fbpx
(11) 4193-5447 | comercial@gruposefer.com.br - Atendemos todo o Brasil!

Quais são as máquinas utilizadas nas confecções de roupas?

O que é uma fábrica de roupas sem um maquinário adequado? Confira as principais máquinas utilizadas em uma confecção.

Quais máquinas são usadas para confecções de roupas?
Editorial Grupo Sefer

Uma confecção de roupas, ou uma fábrica têxtil, exige muita inovação e dedicação em diversos âmbitos para ser bem sucedida. Logo, é necessário mais do que profissionais qualificados para o serviço de produção, os equipamentos, máquinas e infraestrutura da fábrica é de extrema importância, pois um profissional sozinho não consegue fazer o que uma máquina faz.

Quais máquinas são as usadas nas confecções de roupas?

Para cada tipo de indústria existem diferentes máquinas, e em uma variedade infinita. Muitas marcas, muitas funções, muitas ferramentas, cada uma para um fim específico. Na área têxtil não é diferente, pois existem diversas opções de maquinário, e o que garante a qualidade do produto, além do profissional, é a qualidade das máquinas utilizadas.

Entre tantas opções, veja quais são os principais tipos de máquinas utilizadas na confecção de roupas:

Máquina para costura reta: 

é o tipo mais comum de máquina de costura, usada para qualquer tipo de peça, desde as mais básicas até as mais complexas.

 

Overloque:

Essa máquina é uma das mais utilizadas em uma confecção. Ela é usada na confecção de roupas básicas, proporcionando um melhor acabamento das peças, aumentando sua durabilidade e deixando a parte estética mais bonita.

 

Interloque:

pode ser considerada uma evolução da Overloque, te dando a possibilidade de fazer uma costura reta e ainda os acabamentos da Overloque. Ela é mais indicada para tecidos com pouca ou sem elasticidade, para que não ocorra danos ao tecido.

 

Botoneira:

Essa máquina, como o nome já indica, serve para pregar o botão nas roupas. Ela também é utilizada para pregar outros tipos de adereços às peças, como laços, tachinhas, entre outros.

 

Caseadeira:

é utilizada para fazer as casas das roupas, onde entra o botão, ou outros adereços.

 

Galoneira:

Essa máquina é a melhor opção para fazer costura em tecidos mais frágeis. Com ela é possível fazer bainhas e também costuras artesanais.

 

Reta Lançadeira Livre:

Grandes confecções com tecidos grossos e pesados normalmente usam essa máquina para sua fabricação, como couro, jeans, tapetes, entre outros. Ela possui um custo maior por ser de grande porte.

 

Ziguezague:

Essa máquina ajuda muito os profissionais de costura que trabalham com peças intimas, pois ela é mais indicada para malhas e para acabamentos em superfícies elástica.

 

Travete:

Utilizada para reforçar a costura de pontos específicos que precisam de mais estrutura, como bolsos, passantes e zíperes.

 

Máquina de Costura Industrial Coluna:

Essa máquina tem uma estrutura diferenciada, podendo fazer o trabalho em tecidos de couro mais resistente e até mesmo em sapatos.

 

Máquina de Braço:

Locais de difícil acesso nas roupas como beiradas, parte interna de bolsos, extremidades, precisam dessa máquina especificamente para facilitar o processo de acabamento. Inclusive, ela ajuda também nos trabalhos de barra de calças.

Essas são as principais máquinas utilizadas nas confecções de roupas de médio à grande porte, pois exigem manuseio adequado e como cada uma tem uma função específica, isso facilita e agiliza o processo de produção das peças.

 

 

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*